Pix Saque: entenda como funciona e quais os limites!

pix saque

Que o Pix chegou para revolucionar os serviços bancários, todo mundo já está sabendo. 

A modalidade de pagamento mais trend do momento acaba de trazer uma novidade: o Pix Saque. Você já está sabendo como funciona?

Apesar de recente, o Pix é uma ferramenta de pagamentos e transferências que ganhou o mercado, vem se expandindo e ganhando mais espaço, não só com o público mais jovem e usuário de fintechs, mas também com pessoas físicas e jurídicas dos mais variados segmentos e classes.

Hoje, para transferir um valor ou pagar uma conta, você só precisa de uma chave de identificação e um smartphone com internet. 

Agora também é possível fazer saques usando a modalidade.

Quer saber mais informações sobre o Pix Saque? Continue lendo!

Confira também: Pagamento Instantâneo: Tudo o que você precisa saber

Como funciona o Pix Saque?

O Pix você já sabe como funciona, certo? Com a chave de identificação (CPF ou CNPJ, e-mail, número de telefone ou chave aleatória) ou um QR Code, é possível transferir dinheiro entre duas contas na hora, sem qualquer burocracia. 

Agora, além de transferir e pagar, é possível sacar dinheiro em espécie em estabelecimentos comerciais participantes (como lojas de departamento, padarias e lanchonetes) e caixas eletrônicos que tenham sido cadastrados na modalidade.

O funcionamento é muito simples: no Pix Saque, o estabelecimento possui um QR Code que é escaneado pelo aplicativo do smartphone do cliente, ele faz a transferência Pix direto para a conta e o estabelecimento disponibiliza o dinheiro em espécie.

Se você fizer um Pix de R$ 100, recebe em mãos R$ 100.

Há também já disponível outra modalidade, o Pix Troco. Funciona de forma muito semelhante, com apenas uma diferença. 

O valor a ser recebido é a diferença entre o valor da compra e o da transferência. 

Por exemplo, se você fizer uma transferência de R$ 300 e o total da compra for R$ 200, você recebe R$ 100 em espécie no caixa. 

Tem limite para o Pix?

Há sim um limite para os serviços Pix Saque e Pix Troco. Durante o dia, o limite para ambos os serviços é de R$ 500 e, entre as 20h e as 6h, passa a ser de R$ 100.

Esse é um limite geral, diário e não cumulativo (o que significa que, mesmo que não usado, não acumula para o dia posterior), estabelecido para manter a segurança dos usuários e estabelecimentos. 

Cada estabelecimento, conforme seu fluxo de caixa, pode definir valores mais baixos, se assim preferirem.

como sacar com pix

Como sacar o valor de saldo usando Pix?

A modalidade Pix Saque é muito simples!

O estabelecimento cadastrado possui um QR Code (essa é a diferença para a modalidade Pix comum, onde as empresas também possuem chaves usadas pelos clientes), que o cliente escaneia e efetua a transferência para a conta cadastrada do agente de saque.

Com o dinheiro em conta, o estabelecimento concede o valor em espécie para o usuário. 

É simples assim, sem burocracia alguma. Escaneou, transferiu, recebeu em mãos.

Qual a tarifa do Pix?

O Pix não possui qualquer tarifa para pessoas físicas. 

A transferência de valores acontece livre de taxas e pode ser efetuada com tranquilidade, a qualquer hora, por aplicativo bancário.

Qual a tarifa do Pix para pessoa jurídica?

Pessoas jurídicas estão suscetíveis à cobrança de taxas. 

A maneira da cobrança ser feita varia a partir da instituição financeira, mas, no geral, os estabelecimentos seguem algumas definições para cobrança. 

As instituições que cobram taxas para transações bancárias usando Pix geralmente praticam taxas em torno de 0,69% e 0,99%, cada uma com suas especificações de mínimo e máximo. 

São algumas delas:

  • Banco do Brasil
  • Santander
  • Itaú Unibanco.

Algumas das instituições não cobram tarifa por serviços Pix:

  • Caixa Econômica Federal
  • Banrisul
  • Nubank
  • C6 Bank
  • PicPay

E diversos outros.

Consulte sempre a prática do seu banco em taxações de serviços Pix.

Quantos Pix posso fazer por mês?

Não existe qualquer limite de transações que você pode fazer ou receber via Pix, diária ou mensalmente, mas existem algumas especificações sobre isso.

Serviços pelo Pix não são cobrados pelos bancos para pessoas físicas, isso já foi citado anteriormente. 

Em caso de Pix para empresas, existe uma taxa de envio e recebimento das transferências.

Nesse sentido, quem recebe acima de 30 transferências por Pix dentro de um único mês, é considerado comerciante. 

Assim, ainda que não possua um limite para Pix mensal, a partir da 31ª transferência, fica-se sujeito a procedência de tarifas.

Quais as diferenças das taxas do Ted e do Pix?

A principal diferença entre as modalidades TED e Pix não encontra-se apenas nas taxas praticadas.

A modalidade de transferência TED não possui limite de valor para transferência, mas limita o horário em que ela pode ser efetuada. Todas as transações TED que são efetuadas até às 17h são efetuadas no mesmo dia. 

A partir desse horário, são creditadas apenas no próximo dia útil. Isso impossibilita a transferência em fins de semana.

Além disso, TEDs são serviços bancários taxados e possuem práticas diferentes em cada instituição. Em alguns casos, uma TED pode custar entre R$ 10 e R$ 20.

Já a modalidade Pix transfere o dinheiro na hora, a qualquer hora do dia – ainda que exista um limite de transferência por horário, exercido em caráter de segurança e não possui qualquer taxa para pessoas físicas.

Quer saber mais sobre Pix e open banking? Conheça agora o conceito de Invisible Bank da Aarin e se surpreenda com o quão fácil pode ser realizar transações financeiras.

tarifas de pix saque

Conclusão

O Pix vem crescendo e apresentando novos produtos ao mercado, sempre visando facilitar ainda mais as transações financeiras e descomplicar sua relação com instituições que cuidam do seu dinheiro.

O Pix Saque e o Pix Troco são modalidades implementadas recentemente e que estão ganhando seu espaço pouco a pouco. 

Seja você um agente de saque e faça parte do mundo Pix. É fácil, seguro e rápido.

Para qualquer dúvida ou dificuldade com o assunto, acesse o site da Aarin e descubra novas formas de praticar a facilidade com as suas finanças.

Compartilhe este post

Leia também

Deixe uma resposta

Fale com a Aarin!

Preencha o formulário abaixo que entraremos em contato:

Mensagem enviada com sucesso!

Entraremos em contato em breve! 

A aarin utiliza cookies para tornar sua experiência aqui, mais prática e dinâmica. Ao navegar no site, você concorda com política de privacidade e cookies.

%d blogueiros gostam disto: